terça-feira, 9 de setembro de 2008

Energia eólica na sua casa


Desde há séculos que o vento é aproveitado no mundo inteiro para a produção de energia, com os típicos moinhos de vento. Actualmente,
começam a surgir cada vez mais torres eólicas gigantescas usadas para a produção de electricidade. Normalmente existem campos eólicos que produzem electricidade e que depois é vendida.
No entanto, também é possível aplicar o mesmo princípio a uma escala mais pequena de modo a ser capaz de produzir electricidade suficiente para alimentar as necessidades da sua casa. Deste modo poderá, depois do investimento inicial efectuado, produzir a sua própria electricidade poupando assim grandes quantidades de dinheiro, e porque não, talvez vender essa electricidade produzida à EDP.

A energia eólica possui muitas vantagens. É uma energia renovável e limpa, não contribuindo para o efeito de estufa devido a não emitir CO2 para a atmosfera. Uma eólica é normalmente produzida com materiais recicláveis e a sua instalação faz-se de forma rápida. Como maior desvantagem pode-se apontar o impacto visual que pode ter na paisagem e um ligeiro sopro emitido devido à rotação das suas pás. Para a produção de electricidade na sua casa, esse impacto será reduzido uma vez que as eólicas "domésticas" são de dimensões bastante mais reduzidas.

Para poder instalar uma mini-eólica na sua casa, deverá possuir um terreno suficientemente grande e largo. É aconselhável que a eólica se situe o mais perto possível de sua casa para evitar perdas de energia no percurso eólica-casa. Não deverão existir árvores perto da eólica de modo ao vento chegar até ela em óptimas condições e assim maximizar os ganhos.

Se tem condições para isso, é aconselhável a instalação de um sistema misto eólico-solar. Assim, poderá produzir energia praticamente durante qualquer período do ano.

2 comentários:

ToBrabo disse...

Na Zona Norte de Porto Alegre, entre prédios imensos existe uma casa residencial que possui energia eolica e funciona intensamente. Em adicional, notei haver placas de energia solar por todo o telhado e estou surpreendido pela iniciativa de buscar energias alternativas auto-sustentavéis. A todos os locais que comento o assuntos, TODOS DESEJAM mas ninguem sabe onde adiquirir. A energia eolica é funcional e funcionando de forma complementar, dismistifica seus requisitos ainda em estudos como mínimo de 2,2 m/s constantes para uma solução de energia limpa.

Anónimo disse...

naum serviu pois querio saber como ela se transforma em energia eletrica mas valeu